Quinta-feira, 16 de Junho de 2011

A nossa freguesia «Sabroso de Aguiar»

 

 

 

 

 

 

Introdução

 

Ao longo deste trabalho o tema que irá ser tratado é sobre a nossa freguesia, Sabroso de Aguiar.

O objectivo que nós pretendemos perante este trabalho é explorar ao máximo a nossa freguesia para que todos a fiquem a conhecer melhor. Ao longo do trabalho iremos falar sobre a localização de Sabroso de Aguiar, as suas actividades económicas, o seu património arquitectónico, as festas e romarias da aldeia, e por fim iremos concluir com imagens sobre os monumentos históricos de Sabroso de Aguiar.

 Esperamos concluir todos os nossos objectivos perante este trabalho, e que todos fiquem a conhecer o Bom que esta aldeia tem.

 

 

 Sabroso de Aguiar

 

Sabroso de Aguiar é uma aldeia situada em Trás-os-Montes que pertence ao concelho de Vila Pouca de Aguiar, distrito de Vila Real.
O povoamento desta freguesia é já muito antigo, podendo aqui encontrar-se alguns vestígios da passagem Romana, como é o caso da Capela Romana da Senhora do Loreto da qual resta agora apenas a imagem da Santa, é também o caso da Ponte Romana, que caiu devido as fortes chuvas que se fizeram sentir há cerca de um ou dois anos.
Sabroso de Aguiar foi considerada freguesia dia 16 de Julho de 1993, até então era uma aldeia pertencente à freguesia de Vreia de Bornes.

 

Actividades Económicas

Sabroso de Aguiar é uma aldeia como tantas outras em que as pessoas trabalhavam e viviam apenas do que a agricultura e a pecuária lhes proporcionavam. Hoje as principais actividades económicas já não são a agricultura e a pecuária, apenas as faixas etárias mais avançadas se dedicam sobretudo a este tipo de actividades, pois a aldeia foi-se desenvolvendo e com isso foram criados novos postos de trabalho no sector secundário.
Como por exemplo, a implementação da zona industrial, onde existem oito fábricas das quais, uma de fabrico de calçado, quatro de corte de pedra, uma serralharia, uma oficina de mecânica, e uma de café.
Todas estas fábricas contribuem para o crescimento e desenvolvimento da aldeia pois não criam apenas postos de trabalho para as pessoas de Sabroso de Aguiar mas também de outros locais. Estas fábricas oferecem também a possibilidade a muitas pessoas, sobretudo mulheres que não
tiveram a oportunidade de estudar e de conseguir um emprego.
Mas não é tudo, existem ainda mais duas principais actividades, que são as pedreiras, e que empregam uma parte considerável da povoação masculina, e a outra parte dedica-se à construção civil, que é também uma das actividades mais praticadas e mais rentável. A agricultura e a pecuária apesar de já não serem actividades praticadas com tanta frequência como eram antes, continuam a fazer parte do dia-a-dia de muitas pessoas, contribuindo assim para consumo próprio, ou então como actividades de lazer.

 Património Arquitectónico

Sabroso de Aguiar possui muitas marcas históricas relacionadas com a religião e outras que simplesmente fazem parte das tradições e dos costumes da aldeia.
É o caso da Capela Romana da Nossa Senhora do Loreto, da Ponte Romana, mas também da Capelinha da Nossa Senhora dos Caminhos e também da Capela do Santo Amaro, que é o padroeiro da freguesia.
A Capelinha da Nossa Senhora da Piedade é toda feita em pedra e tem uma imagem da Senhora da Piedade na qual esta Santa está com uma balança, dizem as pessoas mais idosas, que se encontraria a pesar as almas.
A Capelinha da Nossa Senhora dos Caminhos encontra-se na berma da Estrada Nacional e é muito visitada por todos os que por lá passam. A Capela de Santo Amaro é onde são celebrados todos os actos religiosos.
No que diz respeito a marcas históricas relacionadas com os costumes e as tradições de Sabroso de Aguiar, destacam-se as nascentes termais, das quais uma se encontra totalmente renovada. Estas nascentes são muito conhecidas pois antigamente era daqui que se retirava a água, a qual chamam actualmente, Águas das Pedras.
Outra marca histórica, e que ainda é visível, é a estação de caminhos férreos, situada a pouca distância das nascentes termais.


 Festas e Romarias

Sabroso de Aguiar é também conhecido pela grande festa popular que se realiza no mês de Agosto, a festa em honra da Nossa Senhora de Fátima, que se prolonga durante quatro a cinco dias. Mas, esta festa, não é a única realizada em Sabroso de Aguiar. Durante todo o ano são realizadas mais três, embora mais pequenas, sendo algumas delas apenas religiosas.
Todos os anos ao dia 15 de Janeiro é realizada uma festa em honra do padroeiro da aldeia o Santo Amaro, é uma pequena procissão acompanhada por uma banda que no final se reúne no largo da festa (espaço com grande largueza) e anima as pessoas tocando os seus instrumentos.
Uns meses mais tarde, no dia 31 de Maio é realizada uma procissão de velas em honra da Nossa Senhora de Fátima, em seguida no dia 16 de Julho é a altura em que se realiza um baile para celebrar a elevação da freguesia.
Outra tradição em Sabroso de Aguiar é a Encomendação das almas, todos os anos durante o período da Quaresma reúne-se um grupo de pessoas de várias idades, e por volta das 21h00, dirigem-se a um local previamente escolhido, normalmente um local bastante alto para que toda a povoação possa ouvir as suas orações, estas orações são feitas em cânticos.

Desta forma ficamos a conhecer mais um pouco de uma aldeia um tanto ou quanto desconhecida no interior de Trás-os-Montes.

 

 

 

 

 

 Agora vamos mostrar aqueles que são os monumentos históricos da aldeia de Sabroso de Aguiar.

Vamos começar!

 

 

 

 

 

Antiga igreja

 

 

 Sra. da Piedade-Sabroso

Capela da Nossa Senhora Da Piedade

 

 

 

 

 

 

 

Nascente de águas termais de Sabroso

 

 

 

 

 

Interior da nascente de águas termais


 

 

 

 

 

Estação de combois de Sabroso «linha do corgo»

 

 

 

 

 Conclusão

 

Alcançamos todos os nossos objectivos. Gostamos imenso de desenvolver este tema, porque sabemos que ao realizar este trabalho vamos transmitir a cultura desta aldeia para aqueles que o tiverem visto. Esperemos que tenham gostado deste trabalho, porque nós gostamos imenso de o fazer!

 

 

Trabalho realizado por:

Fátima Santos, nº6, 7ºC

Jéssica Chaves, nº9, 7ºC

publicado por fatyjess às 23:47

link do post | comentar | favorito
|

.pesquisar

 

.Abril 2013

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30

.posts recentes

. Eco house

. Entrevista

. Entrevista

. Entrevista a Rogério Mart...

. Entrevista

. Parque Termal de Pedras S...

. Agua das Pedras :)

. Spa Termal de Pedras Salg...

. Freguesia de Pensalvos

. Freixeda

.arquivos

. Abril 2013

. Março 2013

. Maio 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Junho 2011

. Setembro 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

.tags

. a minha aldeia

. a nossa freguesia «sabroso de aguiar»

. agua das pedras...

. associação privilégio

. bragado

. eco houses

. entrevista

. freixeda

. hotel universal

. incêndio

. infantis vilarelho

. lendas

. parque termal

. pedras salgadas

. pensalvos

. questionario

. rogério martins

. sabroso

. spa termal

. todas as tags

.links

.participar

. participe neste blog

.Contador de visitas


Contador gratis

.Arruada para boicote às eleições

.Defesa do Parque Termal

blogs SAPO

.subscrever feeds